Região

Suspeito de integrar facção criminosa foge da cadeia de Grandes Rios

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Suspeito de integrar facção criminosa foge da cadeia de Grandes Rios
Suspeito de integrar facção criminosa foge da cadeia de Grandes Rios

Dois presos conseguiram fugir na madrugada desta sexta-feira (1º), da cadeia de Grandes Rios. De acordo com a Polícia Civil, um deles é suspeito de integrar a facção criminosa conhecida como Primeiro Comando da Capital (PCC). 

continua após publicidade

Antes da fuga havia 21 detentos na cadeia anexa à delegacia do município e todos estavam na mesma cela. Segundo o escrivão Lúcio Antônio Moreira, Alessandro de Lima, 35 anos e Pedro de Lima Senne, 26 anos, serraram as grades e conseguiram acessar a cela especial. Lá eles escavaram um buraco na parede e conseguiram fugir. A polícia notou a fuga por volta das 2h30.

"Os demais não quiseram sair da cadeia, pois dava tempo de todos fugirem", comentou o policial. 

continua após publicidade

Segundo ele, Lima foi condenado por vários roubos. Já Senne, que tem antecedentes por tráfico de drogas, foi preso pelo crime de organização criminosa. O rapaz é de Sorocaba, Estado de São Paulo, e a polícia apura a informação de que ele teria vindo ao Vale do Ivaí recrutar pessoas para o PCC. 

"Estamos investigando a ligação dele com essa organização criminosa", disse o escrivão. 

A polícia faz buscas na região, mas até a publicação desta reportagem, nenhum deles havia sido recapturado. 

Suspeito de integrar facção criminosa foge da cadeia de Grandes Rios fonte: Reprodução