Região

Laptops do projeto-piloto 'UCA' chegam à escola apucaranense

Da Redação ·
 Os alunos podem levar o computador para casa
fonte: Edson Denobi/Prefeitura de Apucarana
Os alunos podem levar o computador para casa

O prefeito João Carlos de Oliveira (PMDB) solenizou nesta semana junto à comunidade escolar do Distrito de Correia de Freitas, a chegada de todos os laptops do projeto “UCA – Um Computador por Aluno”. De forma piloto, a iniciativa do Ministério da Educação (MEC) atenderá a Escola Municipal Padre Antônio Vieira, oferecendo o equipamento portátil individual para todos os alunos e professores da instituição.



De posse de algumas máquinas, no início deste mês, em ato no gabinete municipal, João Carlos já havia promovido o lançamento local, anunciando a conquista da iniciativa piloto para Apucarana. “A inclusão digital como prática pedagógica para a construção do saber começa a tomar forma prática no Brasil. Apucarana, como referência em educação integral, não poderia ficar à margem deste processo evolutivo. Nossa expectativa é a melhor, de que este projeto será um sucesso e, muito em breve, tornar-se-á um programa, chegando efetivamente a todas as instituições de nossa rede de ensino”, avaliou o prefeito João Carlos de Oliveira, que entregou as máquinas na companhia do secretário de Desenvolvimento Humano de Apucarana e presidente estadual da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME/PR), professor Cláudio Silva.


Encabeçado pelo Ministério da Educação (MEC), o UCA tem como meta avaliar – em várias partes do Brasil - a funcionalidade pedagógica da máquina em sala de aula. Em Apucarana, o projeto-piloto é acompanhado pelo Centro Tecnológico Municipal, setor ligado à Secretaria de Desenvolvimento Humano da Prefeitura de Apucarana, através dos professores Amauri Rosina e Darley Canezin. O evento desta terça-feira reuniu também pais e outros responsáveis pelos alunos. Os laptops têm funcionalidades exclusivamente voltadas ao pedagógico, plataforma Linux e podem ser levados para casa pelo aluno, porém, necessitam de atualização constante mediante proximidade com o servidor instalado na escola. Caso fique muito tempo longe deste servidor, é travado automaticamente.


Em nível Federal, o programa “Um Computador por Aluno” é uma iniciativa que envolve ainda os ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior; e Ciência e Tecnologia. Também participam a Casa Civil, o Serpro e universidades.
 

continua após publicidade