Região

Produtores tem até o dia 30 para vacinar bovinos contra febre aftosa

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Produtores tem até o dia 30 para vacinar bovinos contra febre aftosa
Produtores tem até o dia 30 para vacinar bovinos contra febre aftosa

O governo do Estado lançou a 2ª etapa da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa. Todos os rebanhos com bovinos e búfalos, independente de idade, deverão ser vacinados. No Paraná, são 9,5 milhões de animais, na regional da Adapar de Ivaiporã, que tem área de abrangência de 21 municípios do Vale do Ivaí e da região central a previsão é vacinar aproximadamente 700 mil cabeças.
A primeira etapa ocorreu em maio. Todos os animais, independente de terem ou não sido vacinados, terão que tomar a dose da vacina até o dia 30 de novembro. A médica veterinária Maria Andreola, do escritório regional de Ivaiporã da Adapar diz que a expectativa é atingir 100% do rebanho e para isso a fiscalização e acompanhamento nas propriedades será intensificado.
A veterinária explica que a aquisição e aplicação da vacina contra a febre aftosa é de responsabilidade dos proprietários dos animais. “A vacinação e a comprovação são obrigatórias e estão previstas em legislação estadual”, lembra Maria Andreola.
Quem não vacinar e/ou não comprovar a vacinação será multado de acordo com o número de cabeças não vacinadas, mas com um valor mínimo de 10 UPFs (Unidade Padrão Fiscal do Estado), que equivale a R$ 96,94. A comprovação da vacina deverá ser feita através do site www.adapar.pr.gov.br.

Febre Aftosa
 
A febre aftosa é uma doença viral, altamente contagiosa, que afeta animais de casco fendido, como os bois, búfalos, cabras, ovelhas e porcos. Pode ser transmitida principalmente pelo contato entre os animais doentes e sadios. O vírus pode ser transportado pela água, ar, alimentos, pássaros e pessoas que entram em contato com os animais doentes.

 

 

 

continua após publicidade