Região

Homem que estuprou mulher dentro de ônibus ficará preso por tempo indeterminado

Da Redação ·
Foto: Reprodução/CML
Foto: Reprodução/CML

Um jovem de 21 anos, que tentou estuprar uma mulher de 38 em Londrina, no Paraná., ficará preso por tempo indeterminado. A decisão foi tomada nesta quinta-feira (19), pelo juiz da Vara de Execuções Penais (VEP), Katsujo Nakadomari, após audiência de custódia. 

continua após publicidade

O crime aconteceu na última quarta-feira (18), dentro de um ônibus, no Terminal Urbano. Bruno Henrique Marques dos Santos foi preso após colocar o órgão genital para fora da calça e levantar a saia da vítima. Em seguida ameaçou os outros passageiros para que eles não chamassem a polícia.

No despacho o juiz justificou que Santos "não demonstrou nenhum tipo de remorso ou arrependimento pela conduta empregada ao cometer o delito, o que assegura a prisão preventiva". 

continua após publicidade

O magistrado ressaltou que as atitudes de Bruno "emergem a real periculosidade de manutenção da liberdade do apresentado, que estava bastante consciente de sua conduta grave e reprovável ao cometer, em tese, o crime de estupro". 

Após a decisão, Bruno foi transferido para uma cela separada na PEL 1 (Penitenciária Estadual de Londrina), zona sul da cidade.

Lei
Pela lei, estupro consiste em constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, ter conjunção carnal ou a praticar qualquer ato libidinoso. Ou seja, o crime de estupro configura-se mesmo quando não há conjunção carnal. A pena – sem agravantes – é de seis a dez anos de prisão.