Região

Tarifa do metropolitano é reajustada e tem alta de até 10%

Da Redação ·
Novos valores serão aplicados a partir de segunda-feira. Foto - Tribuna do Norte
Novos valores serão aplicados a partir de segunda-feira. Foto - Tribuna do Norte

A partir da próxima segunda-feira (15) entram em vigor as novas tarifas referentes ao transporte coletivo rodoviário intermunicipal de passageiros. O percentual médio de aumento será de 7,69% em serviços de característica rodoviária e 9,16% em linhas metropolitanas do interior.

continua após publicidade

Com o reajuste, a tarifa de metropolitano entre Apucarana e Rolândia, por exemplo, passa dos atuais R$ 4 para R$ 4,09, um acréscimo de 2,2%. A linha teve o menor reajuste da região. O valor foi divulgado ontem no sistema de pesquisa de tarifa do endereço eletrônico do Detran.

Já os usuários da linha Apucarana Mandaguari, terão que desembolsar R$ 0,35 a mais a partir de segunda-feira. A tarifa passou de R$ 3,75 a R$ 4,10, um reajuste de 9,3%. Já os usuários da linha Apucarana a Rio Bom terão uma tarifa R$ 0,40 mais cara semana que vem, uma alta de 10%.

continua após publicidade

O reajuste também afeta as linhas convencionais de transporte coletivo intermunicipal. O valor da passagem para a linha Arapongas Curitiba, por exemplo, sofreu um reajuste de 7,67%, passando de R$ 95,40 para R$ 102,72.

(Leia a matéria completa nas edições digital e impressa da Tribuna do Norte)