Região

Polícia Rodoviária apreende mais de 90 quilos de drogas

Da Redação ·

Uma operação de abordagem e fiscalização realizada na PR 317, km 89, em Maringá, sábado (14), resultou na apreensão de 91 kg de maconha e 2 kg de haxixe que seriam levados para a Cidade de São José do Rio Preto (SP) por uma dupla de homens moradores em Foz do Iguaçu (PR). O entorpecente estava escondido em fundo falso de um veículo blazer, cor branca, com placas da cidade paulista. O carro era conduzido por Leandro Freitas, de 23 anos, que estava acompanhado por Rafael Modillane Luiz, de 20 anos.

continua após publicidade

“Em consulta ao sistema, descobrimos que os dois homens já passaram pelo sistema prisional e cumpriram 8 meses por tráfico de drogas, detidos pela Polícia Federal de Belo Horizonte (BH); além disso, como foram presos juntos, na mesma ocorrência, acreditamos que são parceiros há muito tempo”, diz o sargento Gilson Fahur, que participou da detenção deles, em Maringá. A abordagem e prisão foram feitas pela Rondas Tático Motorizada (Rotam), da 4ª Companhia do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv).

Segundo Fahur, quando abordados os dois homens demonstraram grande nervosismo. “Ao revistar o veículo, que era de 1996, percebemos uma pintura nova no assoalho do bagageiro, bem como um cheiro de tinta recente e, como o carro não havia sido reformado, desconfiamos”, explica. Além disso, de acordo com o policial, as respostas de ambos não coincidiam, o que levou a equipe a realizar uma busca minuciosa.

continua após publicidade

“Com a ajuda de uma chave de fenda levantamos um pedaço do carpê, e por um pequeno espaço colocamos a ferramenta para dentro; quando a retiramos saiu com cheiro de maconha. Depois disso não havia mais dúvidas de que se tratava de uma carga de drogas”, afirma Fahur. O assoalho falso foi retirado e os policiais encontraram 120 tabletes de maconha, envoltos em fita adesiva, além de 4 tabletes de haxixe. “O material estava banhado em graxa, não sabemos se para disfarçar o odor ou para ser melhor encaixada no pequeno espaço”, relata o sargento.

Após a localização do entorpecente, os policiais encaminharam a dupla e o material apreendido para a Delegacia de Polícia Civil de Maringá. “Eles disseram que pegaram a droga em Foz do Iguaçu com um homem paraguaio e levariam para a cidade de São José do Rio Preto (SP) e que no trajeto receberiam uma ligação para saber a quem entregariam o material”, conta Fahur. “Também informaram que ganhariam R$ 5 mil pelo transporte da carga”, completa o sargento