Região

Apucaranense representa o Paraná em competição nacional de BMX

Da Redação ·

O atleta profissional Rafael Pennacchi, o Rafinha, de Apucarana, participa hoje, em São Bernardo do Campo-SP, do Campeonato Brasileiro de BMX Freestyle. Entre os 30 melhores da categoria no país, Rafinha será o único paranaense na competição profissional, que além de premiação em dinheiro para os cinco primeiros lugares, vai premiar “a melhor manobra” e o “desafio de aéreo”. 

continua após publicidade

O local da competição será o Parque Citta de Maróstica – Praça Samuel Sabarini - e contará como outras atrações como apresentações de bandas de rock, campeonato de skate, food trucks, oficina de graffitti, batalhas de break e rima, entre outros. “Treinei muito para este campeonato e vou com grande expectativa de pódio”, disse Rafinha, que em 29 anos de BMX coleciona um currículo de muitas conquistas na bagagem. “Esta competição, na modalidade vertical, é mais conhecida como BMX Vert Session 2016 (BVS) e é homologada pela ABBMXF, válido pelo ranking nacional”, explica. 

O convite para a competição foi feito pelo presidente da Associação Brasileira de BMX Freestyle, Wagner Gonçalves Júnior. 

continua após publicidade

“O evento tem um teor nacional e a presença de Rafinha além de aumentar a competitividade entre os outros participantes, dá-lhe a oportunidade de figurar entre os melhores do país”, disse o presidente na carta convite. Para a disputa do BMX Vert Session 2016, o atleta Rafinha destaca o apoio que vem recebendo da Secretaria de Estado do Esporte/Paraná Esporte, da Secretaria de Esportes e Lazer da Prefeitura de Apucarana e de patrocínios de empresas locais, como Psico BMX, FIT Centro de Treinamento, Nos Energy Drink, Despachante Volk, Estação da Malha, Embrak Aviamentos, Bonelli Bonés, Advocacia Vanessa Pennacchi, Esquilo Moto Peças, Vitrine Embelezamento Automotivo. O atleta – Com 35 anos de idade, Rafinhapratica a modalidade profissionalmente há 29 anos. “Iniciei em 1987 no bicicross e já em 1988 foi vice-campeão mundial em competição realizada no Chile”, recorda o biker que veio morar em Apucarana com apenas 6 anos. Aos 12 anos de idade, mudou para o BMX Freestyle, sendo à época o mais jovem piloto profissional na categoria.