Região

Funcionários da Sanepar de Apucarana protestam por equiparação salarial

Da Redação ·
Acordo depende de negociações entre 22 sindicatos da região e a Sanepar (Foto: José Luiz)
Acordo depende de negociações entre 22 sindicatos da região e a Sanepar (Foto: José Luiz)

A greve dos funcionários da Sanepar iniciada na terça-feira (31/05) em várias cidades do norte do Paraná como Apucarana, Londrina, Arapongas, Bela Vista do Paraíso, Cambé, Faxinal, Rolândia e tantas outras ainda continua. Em Apucarana, os funcionários protestaram durante a manhã dessa sexta-feira (03) em frente a unidade, onde pediram pela equiparação salarial e algumas outras reivindicações.

continua após publicidade

Funcionários da Sanepar de Apucarana protestam por equiparação salarial fonte: Reprodução

O fim da greve depende de um acordo entre a empresa e os colaboradores. O Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Saneamento Ambiental de Londrina e Região (Sindael), tem intermediado as negociações. A empresa já apresentou uma proposta, oferecendo um reajuste salarial, porém foi recusada pelos colaboradores, que exigem reajuste dos pisos, equiparando com outras categorias da empresa, mudanças no plano de cargos e salários, além de melhorias nos planos de saúde e no programa de participação nos resultados.

continua após publicidade

Na região, 22 sindicatos representam os servidores da empresa. Destes, 17 aceitaram o acordo coletivo de trabalho proposto que prevê a reposição da inflação, que foi de 11,8%, e reajuste do vale refeição. Somente cinco negaram, porém estes cinco possuem a maioria absoluta dos funcionários, atendendo a 95% deles. Portanto, a aprovação de qualquer acordo depende deles.