Região

Fundo repassa mais de R$ 132 mil ao Lar Sagrada Família

Da Redação ·
Ato na prefeitura de Apucarana: repasse de e R$132.667,66 ao Grupo Soma – Somando amor pela Infância e Adolescência/Lar Sagrada Família - Foto: Divulgação
Ato na prefeitura de Apucarana: repasse de e R$132.667,66 ao Grupo Soma – Somando amor pela Infância e Adolescência/Lar Sagrada Família - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Apucarana, através do Fundo Municipal de Assistência Social, repassou na quarta-feira (18) o montante de R$132.667,66 ao Grupo Soma – Somando amor pela Infância e Adolescência/Lar Sagrada Família de Apucarana. A assistente social Sandra Regina de Lima, informou que os recursos foram obtidos junto ao Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) do Governo Federal. As verbas são específicas para instituições que cuidam de crianças em vulnerabilidade sócio-familiar e serão utilizados pela entidade para otimizar os serviços de acolhimento do “Abrigo do Menor". Atualmente, a entidade – responsável pelo abrigamento e tratamento de crianças e adolescentes – atende a 21 crianças com idade entre zero e 11 anos e seis meses.

O prefeito Beto Preto, em viagem oficial a Brasília, foi representado pelo vice-prefeito Júnior da Femac. “Antes de viajar o prefeito assinou o convênio que libera os recursos e pediu para que eu retransmitisse a vocês a admiração que ele possui pelo trabalho que realizam em favor de crianças e adolescentes que, quando chegam à entidade, estão muito fragilizadas por uma série de fatores, que têm como ponto inicial a desagregação familiar”, destacou Júnior. "Em nome do prefeito Beto Preto digo que o Grupo Soma possui homens e mulheres que promove, um belo, dedicado e voluntário trabalho de acolhimento visando a recolocação dos menores ao convívio social. Contem sempre com a prefeitura”, disse Júnior, parabenizando ainda a equipe do Fundo Municipal e Secretaria da Assistência Social e da Controladoria Interna da prefeitura pela busca e encaminhando dos recursos federais.

"BOA HORA"
O presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Antônio Carlos “Macarrão”Machado, que também participou da solenidade como representante do Lar Sagrada Família, falou da importância do repasse. “Esse recurso chega em boa hora e será um reforço bem grande para que possamos ampliar nossas ações, levando mais conforto, melhorando a estrutura oferecida às nossas crianças, com por exemplo, obras de reforma hidráulica e elétrica do espaço”, anunciou Macarrão.

Todo o dinheiro será liberado em cota única. Apesar do reforço financeiro viabilizado pelo poder público municipal, Macarrão frisa a importância da sociedade continuar contribuindo com doações. “Temos uma grande estrutura para manter, registrando entre R$18 a R$23 mil mensais de déficit, por isto contamos sempre com as doações oriundas da sociedade”, disse o representante da entidade.

continua após publicidade