Região

Distrito Industrial de Ivaiporã começa a ganhar forma

Da Redação ·
Os parques industriais estão sendo instalados na rodovia PR 466 (Foto: Ivan Maldonado)
Os parques industriais estão sendo instalados na rodovia PR 466 (Foto: Ivan Maldonado)

Um sonho antigo da comunidade de Ivaiporã, a implantação do Distrito Industrial começa a ganhar forma e deverá se tornar uma realidade em breve. No Parque Industrial 1 que fica localizado as margens da PR 466 ao lado do campus do IFPR a prefeitura constrói cinco barracões industriais , sendo quatro com área construída de 300 metros² e outro com área de 600 m².  A área do parque 1 é de 56 mil m² e irá abrigar 26 empresas.

continua após publicidade

Para o Parque Industrial 2 que será instalado também na PR 466 entre a chácara do Dorly até a localidade de Ouro Verde, a Prefeitura já solicitou a Sanepar e a Copel, a instalação de rede de água e energia elétrica. No parque 2 que tem área de 200 mil m², a prefeitura está fazendo o cadastramento das empresas interessadas para definir o tamanho dos lotes.

Somente para a compra dos terrenos foram investidos recursos próprios do Município de mais de R$ 1.5 milhão. Para a instalação da infraestrutura, tais como, ruas, iluminação e serviço de saneamento, a estimativa é que sejam investidos mais R$ 1 milhão. Os recursos para a construção dos barracões são do Governo Federal, através de emenda parlamentar do deputado federal Sergio Souza. “Para a área 1 nós já temos 26 empresas cadastradas. O critério para as empresas concorrerem é o número de empregos que serão gerados”, explica Carlos Gil.

continua após publicidade

Tanto para os lotes com os barracões como para os terrenos vazios, a avaliação será feita pela Comissão Especial de Avaliação de Projetos Industriais e posteriormente a aprovação da comissão, será encaminhado para o processo licitatório. Após a concessão de uso de cinco anos os lotes serão revertidos em doação definitiva para as empresas, caso todos os compromissos tenham sido atendido.

A expectativa da administração municipal é que o parque industrial atraia para o município cerca de 70 novas empresas que devem gerar aproximadamente 1.5 mil novos empregos.

Empresa Argentina

continua após publicidade

Para o Parque Industrial  2, o prefeito Carlos Gil revela que a Prefeitura negocia com a empresa metalúrgica argentina Prensas La Mundial, uma área de 40 mil m².  “É uma fábrica de tornos industriais que quer se transferir da argentina para o Brasil, já estivemos com o empresário no BRDE e as conversas estão bastante avançadas. A previsão é que eles gerem 450 empregos em 10 anos”, comenta Carlos Gil.

Ainda para o Parque Industrial  2, a Prefeitura e a Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar)  negocia a permuta do prédio da empresa que fica no quadro urbano da cidade ao lado do cemitério por um terreno no parque industrial.  “Na terça-feira eu estive conversando com o presidente da Codapar e há interesse de ambas as partes”.

Caso a permuta seja concretizada, a ideia da administração municipal é implantar no atual prédio da Codapar uma incubadora de empresas. 

continua após publicidade

Parque Avícola

Além do Distrito Industrial a Prefeitura implanta também no município o Complexo Avícola.  A prefeitura está oferecendo 12 alqueires para as empresas interessadas em implantar um abatedouro de frangos e uma fábrica de ração.   

A licitação de concessão da área ocorre no dia 23 de setembro. “Hoje mesmo eu recebi a visita de um dos investidores, o proprietário da Jaguafrangos. Ele veio conhecer as áreas definidas do Parque Avícola e garantiu que estará participando da licitação”, diz Carlos Gil.

Para a implantação do abatedouro a Prefeitura oferece um terreno de 10 alqueires, nas proximidades da PR 466, em frente ao Posto Trevo. Para a fábrica de ração será doado um terreno de dois alqueires também na rodovia PR 466, nas proximidades do trevo de acesso ao município de Ariranha do Ivaí.

“O critério para a concessão da área é que a empresa vencedora da licitação gere no mínimo 400 empregos”, completa Carlos Gil.