Região

Moradores de Lunardelli reclamam da falta de manutenção em bueiros

Da Redação ·
Bueiros entupidos em Lunardelli deixam os moradores apreensivos (Foto: Ivan Maldonado)
Bueiros entupidos em Lunardelli deixam os moradores apreensivos (Foto: Ivan Maldonado)

Moradores de Lunardelli estão apreensivos com os alagamentos que tem ocorrido por diversas ruas da cidade. Eles afirmam que a Prefeitura não realiza a manutenção nos bueiros para ajudar no escoamento da água. Além disso, eles também reclamam da falta da tampa de algumas bocas de lobo e do mau cheiro em alguns pontos da cidade.

continua após publicidade

O vice-presidente do Observatório Social, Sergio Aparecidos dos Santos relata que em dias de chuva os moradores das partes mais baixas da cidade são os que mais sofrem, pois eles ficam sujeitos à enxurrada. Ele explica que água desce pelas ruas de terra e não tem por onde escoar com os bueiros entupidos com entulho.

Dos Santos comenta ainda que o Observatório Social chegou a encaminhar oficio à Prefeitura pedindo providências. “Inclusive, cheguei a conversar pessoalmente com ele, mas o prefeito alega que a Prefeitura não tem recursos”, reclama dos Santos.

continua após publicidade

Outro problema citado pelos moradores é o mau cheiro que exala por alguns bueiros. O morador Jorge Antônio da Silva Filho cita a Av. Rui Barbosa, nas proximidades do Estádio Municipal. “É insuportável, as pessoas não aguentam o mau cheiro que sai do bueiro naquele local”. Ainda segundo Silva Filho, em alguns bueiros também faltam tampas de boca de lobo colocando em risco a vida dos moradores. “Isso aqui está um perigo, qualquer hora uma pessoa cai num buraco desses”, alerta o morador.

Outro lado

A prefeitura informa que medidas já estão sendo tomadas para minimizar os problemas.  Segundo o secretário interino da Secretaria de Obras e Serviços, Marco Antônio Duarte, os pontos de alagamento estão mapeados e vão receber os serviços preventivos, inclusive, outras medidas como o aperfeiçoamento do sistema de drenagem também estão em andamento.  

continua após publicidade

“Onde os bueiros estão entupidos é porque a caixas reservatórias estão condenadas há mais de 10 anos e não tem como mexer. Foi feito um serviço não adequado na época da construção e agora será preciso quebrar o asfalto para tentar resolver esses problemas”, comenta Duarte.

Ele também relatou que as famílias que tiveram transtornos com as chuvas na semana passada foram atendidas. “Inclusive o pessoal da Defesa Civil e da Prefeitura estiveram no local no dia e deram toda a atenção para os moradores”, relata Duarte.