Região

Escola de Apucarana lidera no Enem

Da Redação ·
 Prova realizada no final do ano passado não é obrigatória
fonte: Sérgio Rodrigo
Prova realizada no final do ano passado não é obrigatória

Ministério da Educação (MEC) divulgou ontem o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2009. A lista consta a avaliação feita com estudantes do 3º ano do ensino médio no ano passado.

continua após publicidade


O colégio Platão de Apucarana obteve nota 639,58 - o novo modelo de avaliação do MEC vai de 0 a 1000 - e foi o melhor colocado entre os estabelecimentos de ensino dos 16 municípios da área de abrangência do Núcleo Regional de Educação (NRE). O colégio São Domingos, de Faxinal, obteve a segunda colocação com 626,91 pontos. O colégio Olimpus, de Arapongas obteve nota 614,92 ficando em terceiro lugar na região. As instituições são privadas.
 

Considerando apenas as notas de Apucarana, o colégio Platão lidera o ranking, seguido pelo colégio São José, com nota 593,02, e o colégio Mater Dei em terceiro com 592,97 pontos. O colégio Nossa Senhora da Glória teve nota 573,81 e ficou na quarta colocação.

continua após publicidade


O ensino privado mostrou sua superioridade em todo país. Das dez escolas brasileiras onde os seus estudantes obtiveram os melhores desempenhos do Enem em 2009, nove são particulares e uma é federal. No ranking paranaense são sete escolas particulares e três federais. No Estado, a primeira colocada é a Universidade Federal do Paraná (UTFPR), de Curitiba.


O diretor dos colégios Platão e Mater Dei, Oswaldo Massaji Ohya avalia que os resultados indicam que a matriz curricular é adequada. “Desde o ano 2000, com o início do Enem, o Platão e o Mater Dei tem estado nos primeiros lugares. Esta avaliação externa dá uma garantia maior ao nosso trabalho”, disse Ohya. Ele conta que a metodologia enxugou conteúdos desnecessários aos estudantes.


“Nosso ensino é voltado para o conhecimento contextualizado e prático, preparando os alunos para o vestibular, Enem e para a Vida, principalmente. Não são simplesmente aulas com ensino comum, mas bem elaboradas para facilitar a compreensão dos alunos, que tem se dedicado e recebem o apoio dos pais”, disse Ohya.

continua após publicidade


PUBLICAS - Entre as instituições públicas o colégio Professor Isidoro Luiz Cerávolo novamente ficou em primeiro no Enem em Apucarana ao obter nota 552,95. Em segundo lugar ficou o Coronel Luiz José dos Santos, com 547,89, seguido do Nilo Cairo que obteve 537,89 pontos. “A comunidade de ensino fica feliz por estar almejando um ensino de qualidade para nossos alunos. Não só por estar no segundo ano consecutivo, mas por obter média maior que a do ano passado”, disse Marcos José Ferreira, vice diretor do Cerávolo.

Especialistas contestam

continua após publicidade


A secretária de Educação do Paraná, Yvelise ArcoiVerde, o Enem é um processo de classificação para o ensino superior, e não de avaliação do sistema de educação básica e ressalta que as notas são resultados de um momento único de avaliação e que devem ser observadas nesta perspectiva. “O Enem tem caráter voluntário por parte dos estudantes. Muitas vezes, não são todos os alunos que participam e, tecnicamente, é diferente do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), portanto, a amostragem não é fidedigna”.

A média resultante do Enem não configura o resultado da escola, mas um momento de desempenho do aluno. Para a representante do Conselho de Governança do movimento Todos pela Educação, Wanda Engel, o Enem não deveria avaliar a educação, por medir apenas o desempenho do próprio aluno.


“Quando a gente diz que a escola tal teve melhor resultado, temos que ver qual o percentual de alunos que fez o exame. Podem ter pego os melhores estudantes. O Enem não é resultado para listar escola, mas para dar oportunidade no acesso à universidade. Só faz o Enem o aluno que tem alguma intenção de ir pra universidade, uma minoria”.