Região

Paraná normaliza vacinação contra gripe suína

Da Redação ·
 Estado só não alcançou as metas de imunização para jovens e gestantes
fonte: googleimagens.com
Estado só não alcançou as metas de imunização para jovens e gestantes

O Paraná recebeu do Ministério da Saúde, nas últimas duas semanas, mais de 1,8 milhão de doses da vacina contra a gripe A (HIN1) – mais conhecida como suína. Com essa remessa, a Secretaria Estadual de Saúde informou que a situação no Estado se normalizou, já que faltaram vacinas em cidades como Curitiba e Cascavel.

continua após publicidade

Desde o início da campanha, em 8 de março, o Estado já recebeu cerca de 5 milhões de doses. De acordo com a superintendência de Vigilância em Saúde, até o dia 21 de maio o Estado deverá receber mais alguns lotes. Até o final das cinco etapas, a Secretaria de Saúde espera imunizar aproximadamente cinco milhões de paranaenses.

continua após publicidade

O Paraná já ultrapassou a meta de 80%, estipulada pelo Ministério da Saúde, na vacinação de profissionais da área de saúde, população indígena, crianças de seis meses a dois anos e doentes crônicos.

continua após publicidade

A cobertura no grupo de adultos jovens de 20 a 29 anos é de 79%, faltando apenas 1% para atingir a meta de imunizar 1,8 milhão de pessoas. Os adultos jovens foram os mais atingidos pela doença em 2009 em todo o Brasil e esta tendência também foi observada no Paraná. Com relação às gestantes, cerca de 72% das gestantes foram vacinadas até a manhã desta quinta.

O superintendente de Vigilância em Saúde, José Lúcio dos Santos, avalia como muito boa a procura pela vacina pela população paranaense. Ele acredita que todos estejam sensibilizados em relação à doença, porque no ano passado o Paraná foi o Estado com o maior registro de casos confirmados. Foram cerca de 60 mil casos e 288 mortes. Este ano já foram confirmados 951 casos, com dez óbitos.

continua após publicidade

Cascavel

continua após publicidade

Em Cascavel, quinto município em número de casos registrados este ano, o Ministério Público Federal (MPF) ajuizou, na última sexta-feira (30), uma ação civil pública com o objetivo de garantir o fornecimento de vacinas contra a gripe suína em quantidades suficientes para os 25 municípios abrangidos pela 10ª Regional de Saúde.

De acordo com o MPF, a ação tem por base dados oficiais que noticiam a falta de vacinas para o grupo fixado pelo Ministério da Saúde. No documento, o MPF requer que a União e/ou o Estado do Paraná forneçam doses suplementares - além de outras que posteriormente se fizerem necessárias -, em até 48 horas a contar da solicitação das doses.

Além disso, o MPF pede que a 10ª Regional de Saúde informe à Justiça, semanalmente, as doses de vacina recebidas, aplicadas, perdidas e em estoque, por município, especificando os lotes perdidos e o motivo.