Região

Adolescente é assassinado em Apucarana

Da Redação ·
 O adolescente foi atendido pelo Samu
fonte: TN
O adolescente foi atendido pelo Samu

Mais um homicídio mobilizou a polícia de Apucarana. Na noite de terça-feira (27), Gemerson de Souza, de 15 anos, foi morto com disparo de arma de fogo. O fato aconteceu próximo ao número 22 da Rua Equador, no Conjunto Charles Chaplin (região Nordeste da cidade).

continua após publicidade

"O tiro fatal acertou a axila direita do menino e o projétil transfixiou o tórax do adolescente", relatou o soldado Klava, do Centro de Operações (Copom) do 10º BPM. De acordo com a Polícia Militar (PM), o menor chegou a ser atendido em ambulância do Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a iniciativa de socorro foi em vão.

continua após publicidade

"Esse menino foi baleado em frente ao barracão número 22 da Rua Equador, mas após ser ferido, a mãe dele, Valdete de Souza, o levou para casa, no número 18. Depois o Samu foi chamado, mas o menor veio a óbito", detalhou o soldado Klava. O local do crime foi isolado e preservado pela PM, até a chegada da equipe do Instituto Médico Legal (IML) e realização de levantamento por investigadores da Polícia Civil, comandados pelo delegado adjunto da 17ª SDP, Ricardo Casanova.

continua após publicidade

"Nenhuma pessoa que presenciou o fato informou quem seria o autor do disparo que tirou a vida do menor. Conforme os arquivos da polícia, apesar da pouco idade, esse adolescente já esteve apreendido em Foz do Iguaçu e Apucarana pela prática de diversos atos infracionais e era um menino muito problemático", informou o delegado Ricardo Casanova.

continua após publicidade

Várias viaturas da polícia de Apucarana foram para o local do assassinato e cercanias. Os policiais realizaram diligências para prender o autor do crime, que fugiu a pé e ainda não foi localizado.

OITAVO - Conforme a Polícia Civil, esse é o oitavo homicídio registrado neste ano no município de Apucarana. Em 2009, foram regisrtrados 10 assassinatos e dois latrocínios (roubos seguidos de mortes)