Região

Assaltantes praticam oito roubos em Arapongas

Da Redação ·
A Polícia Militar realizou diligências, mas não conseguiu prender autores de onda de roubos em Arapongas
fonte:
A Polícia Militar realizou diligências, mas não conseguiu prender autores de onda de roubos em Arapongas
continua após publicidade

Ladrões deixaram um rastro de roubos na cidade de Arapongas nas últimas 24 horas. Foram registrados oito assaltos em locais diversos, como residência, lanchonete e loja de confecção. Os criminosos chegaram até a roubar uma motorista que estava parado em semáforo. Rastro de crimes do gênero deixou a população perplexa e é desafio para a polícia elucidar os assaltos.

Solange Cristina Binche Soares, de 38 anos, solicitou a presença da PM na Rua Bonito do Campo nº76, na Vila Industrial. Ela informou que dois adolescentes - um deles de revólver em punho - chegaram à lanchonete estabelecida no local, deram voz de assalto e roubaram R$ 50 em dinheiro.

continua após publicidade

Na Rua Araçari, esquina com Rua Anasçá, na Vila Nova, Albertino Afonso Lamounier, de 31 anos, residente na Rua Israel Alves Santos nº11, no bairro Tancredo Neves, em Apucarana, foi vítima de roubo. Ele informou que fazia cobrança da Vale Sorte, mas quando passava com sua motocicleta pela rua Araçari foi abordado pelo garupa de uma moto Honda Titan preta, com arma em punho.

Conforme Albertino, a moto dos ladrões era pilotada por uma mulher, que no momento do roubo caiu com o veículo e perdeu um pé de sandália. O apucaranense teve roubados um aparelho celular Smart Fone cor preta, celular Nokia branco, dois celulares Nokia pretos, 120 cartões telefônicos de 20 unidades, 50 cartões telefônicos de 40 unidades, 400 cartelas do Vale Sorte, R$30 em dinheiro, uma agenda, bloco de recibo e cartão vale alimentação.

Ladrões agiram ainda na Rua Tangara nº190, na Vila Triângulo. Rosana Cristina Hort, de 27 anos, proprietária da loja La Bela Confecções, contou que um homem de baixa estatura invadiu o estabelecimento comercial armado com faca e roubou R$ 60 em dinheiro, celular Sansung preto e celular Motorola de cor prata. O ladrão fugiu em companhia de comparsas que o aguardavam.

continua após publicidade

RESIDÊNCIA - Por volta das 19h30 de sábado (24), PMs estiveram na Rua Porfírio nº123 onde ocorreu outro assalto à mão armada. Paulo Henrique Martho dos Reis informou que dois homens - um de capacete com revólver na mão - invadiram sua casa, deram voz de assalto, fizeram muitas ameaças e depois roubaram um Not Book marca ACER de cor preta, celular Motorola V3 cor pink, celular Nokia com flip cor prata, celular Nokia prata, relógio Ferrari, relógio Mont Blac, um relógio Rolex prata, relógio Quartz, R$370 em dinheiro e documentos pessoais e vários cartões de créditos.

Na rua Pavão nº854, no centro de Arapongas, Sandra Aparecida Nogueira de 40 anos, foi assaltada por um homem armado de faca e trajando uma camisa do Palmeiras. Ela contou que o ladrão adentrou no seu salão de beleza e roubou R$ 50 em dinheiro.

SEMÁFORO - Às 21h25h de sábado, Mário Sergio Volpato, de 28 anos, informou que ao parar no semáforo da Rua Flamingos, esquina com rua Condor, foi abordado por dois ladrões no seu veículo (marca e placa não foram informados) que estavam com uma motocicleta Honda Titan cor preta. O garupa - de arma em punho - efetuou um disparo contra o vidro da porta do motorista, masa a vítima não foi atingida. O assaltantes roubou de Mário um notebook Positivo cor prata, R$50 em dinheiro, documentos pessoais e dois cartões Visa Máster. No interior do carro foi encontrado um projétil de arma de fogo.

continua após publicidade

Ariana Caroline Alarcon, de 20 anos, foi assaltada quando estava na Rua Tuim 410, na Vila Triângulo. Ela relatou à PM que ao passar pelo local acabou rendida por um bandido, que encostou uma faca em seu pescoço. O marginal roubou de Ariana um telefone celular Sansung Star, de cor prata. Depois o criminoso fugiu a pé, tomando rumo ignorado.

Já no final da madrugada deste domingo (25), Claber dos Santos Mangar, de 19 anos, caminhava pela Avenida Maracanã, na Vila Industrial, quando foi rendido e roubado por dois rapazes que fizeram mênção de estar armados. Os ladrões levaram do jovem aparelho celular Nokia cor preta, R$ 20 em dinheiro, uma carteiro de coura e um boné.