Região

Assaltantes agem na casa de advogado

Da Redação ·
Nas três situações de assalto, a Polícia Militar realizou diligências para localizar os bandidos, mas não teve êxito
fonte: Arquivo
Nas três situações de assalto, a Polícia Militar realizou diligências para localizar os bandidos, mas não teve êxito

Os ladrões dão não trégua em Apucarana. Três roubos a mão armada foram registrados no município durante as últimas 24 horas, um deles na casa de um conhecido advogado da cidade. Às 22h25 de quinta-feira (22), Marcos de Andrade Silva , que é esposo de Camila Borges, filha do advogado Dirceu Borges Filho, comunicou à Polícia Militar (PM) que saiu da casa nº 180 da Rua Duque de Caxias, na Vila São Paulo, próximo ao Colégio Nilo Cairo, para guardar o carro na garagem, quando foi abordado por quatro criminosos armados e que ocupavam duas motocicletas. A residência pertence ao advogado Dirceu Borges Filho.

continua após publicidade

Mediante ameaça com arma de fogo, os assaltantes obrigaram Marcos a entrar na residência e ordenaram que ele, o advogado Dirceu Borges Filho, a esposa Marilda Ferraz e os filhos do casal, Kesley e Camila,  ficassem sentados no sofá da sala enquanto a moradia era revirada. Após dez minutos, os criminosos saíram da casa levando um aparelho de telefone celular Nókia, celular LG, diversas jóias e várias peças de roupas usadas. Também foi roubada de Marilda Ferraz uma bolsa de cor marrom com todos os documentos, R$100 e diversos cartões de crédito. "Falei para todos da minha família ficarem em silêncio no sofá e sem esboçar qualquer tipo de movimento para evitar uma reação violenta dos ladrões", contou o advogado Dirceu Borges Filho.

continua após publicidade

Vanderlei José Frangiote Filho solicitou a presença da PM na casa nº 528 da Rua Angelina Menegazzo, no Jardim Menegazzo. Ele relatou aos policiais que por volta das 21h40 de quinta-feira (22) foi abordado por quatro assaltantes, dois deles de arma em punho.

continua após publicidade

Após anunciar o roubo, os bandidos adentraram a residência com a vítima e no interior da moradia reviraram gavetas a procura de dinheiro e jóias. Em seguida os ladrões se evadiram levando carteira com documentos pessoais de Vanderlei José Frangiote Filho e sua esposa, R$ 50, telefone celular Motorola, celular Nókia, quatro pulseiras de Prata de Bali, um brinco de Prata de Bali. Na seqüência, os ladrões fugiram.

AGRESSÃO-José Martins caminhava pela Rua Arthur Bernardes, às 14h45 de ontem (22), quando foi abordado por duas pessoas que lhe deram voz de assalto. Mediante agressão física, os ladrões roubaram um aparelho celular MP10 e fugiram do local tomando rumo ignorado. Nas três situações de assalto, a Polícia Militar realizou diligências para localizar os bandidos, mas não teve êxito.