Região

Primeiro dia de campanha foi marcado por grande procura

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Primeiro dia de campanha foi marcado por grande procura
fonte: Sérgio Rodrigo
Primeiro dia de campanha foi marcado por grande procura

Começou ontem em todo país a vacinação contra o vírus da gripe. Em Apucarana, muitas pessoas levantaram cedo para não enfrentar filas na hora de receber a imunização. Além da Central de Vacinação, outras 25 Unidades Básicas de Saúde (UBS) estão oferecendo a vacina para o público alvo (ver grafo).

“A procura no primeiro dia foi grande. Apesar de a maioria deixar para o último dia”, disse o secretário de Saúde, Hélio Kissina. Segundo ele, a campanha será intensificada durante os próximos dias, para que a meta nacional de 80% seja atingida. Em Apucarana, o público alvo é de pouco mais de 29 mil pessoas.

Kissina informa que a única dificuldade será alcançar os acamados e presidiários que não podem se dirigir até uma UBS. .
O prefeito Beto Preto, que concedeu coletiva ontem sobre a campanha, destacou que a vacina também irá a esses pacientes. “Vamos levar a vacina ao asilo e aos acamados. É importante que as equipes de saúde levantem o número de acamados para que possam também receber a imunização”, observa Beto Preto.

O autônomo José Roberto Ballan da Silva, conta que toma a vacina “religiosamente” todos os anos e sempre no primeiro dia da campanha. “É bom, pois assim consigo escapar das filas”, destaca o senhor de 68 anos garantindo não ter contraído o vírus há um bom tempo. “Não tenho mais gripe. Ainda realizo outros complementos para manter a saúde como prezar a alimentação, fazer exercícios. Contudo, é a vacina que garante imunidade”, afirma.

A pedagoga Lilian Leonel Pedroso, acabou de dar a luz e foi até a Central de Vacinação se imunizar. Ela considera a vacina importante também para as pessoas que estão próximas a ela. Lilian acredita que ainda falta conscientização em relação à gravidade da doença. “É um vírus transmissível. Temos que nos preocupar com nossa família, amigos, enfim, todas as pessoas do nosso convívio”, salienta a pedagoga informando ainda que seu bebê – ainda com 31 dias - será imunizado assim que completar a idade exigida.

ARAPONGAS - Conforme a enfermeira Graziela Stefanoto, responsável pela imunização em Arapongas, houve muita procura no primeiro dia de vacinação do município. “Logo pela manhã muitas pessoas chegaram às Unidades Básicas de Saúde, principalmente idosos”, comenta. A enfermeira informa que 12 unidades estão fornecendo a vacina. “No dia 20 todos os postos estarão abertos das 8h às 17h”, informa. O município recebeu pouco mais de 25 mil doses de vacina.

IVAIPORÃ -  Em Ivaiporã, nove UBS estiveram abertas ontem atendendo a população. No próximo sábado (20), dia “D” da campanha, além dos nove postos, outras seis equipes de vacinação estarão sendo disponibilizadas em vários pontos da cidade. “Começamos a campanha com todo o gás. Vacinamos hoje (ontem), mais de 380 pessoas. Espero que continue assim pelos próximos dias”, destaca João Felipe Marques, da Vigilância Epidemiológica.

No Centro Municipal de Saúde, no centro de Ivaiporã, muitos idosos procuraram o serviço. Foi o caso da dona de casa, Maria Aparecida Veloso, 61 anos, que atendeu ao chamado e correu para ser vacinada. “Este foi meu segundo ano de vacina. O atendimento hoje foi bem rápido e eu fui muito bem tratada”, relata Maria Aparecida.

Graziela dos Santos, 26 anos, que na semana passada deu a luz, também recebeu a vacina. “É muito boa essa campanha, pois além de me imunizar meu bebê corre menos risco de pegar gripe”, pondera Graziela.

continua após publicidade