Região

Confirmado o terceiro caso da gripe suína no Paraná

Da Redação ·

A Secretaria de Estado da Saúde do Paraná divulgou na tarde deste domingo (21) um novo boletim epidemiológico no qual confirmou mais um caso da nova gripe no Paraná. Com isso, o Estado passa a contabilizar três casos de Influenza A (H1N1). Trata-se de uma criança da região de Curitiba que também foi contaminada na Argentina. Ela retornou para o Brasil no dia 14 de junho quando começou a apresentar os sintomas.

Todos os seus contatos próximos já estão sendo monitorados pelas vigilâncias epidemiológicos para avaliação do quadro clínico. Embora nenhum tenha apresentado sintomas da doença, eles permanecem em monitoramento. Já o paciente está em isolamento domiciliar e passa bem.

No sábado (20), o secretário da Saúde Gilberto Martin concedeu entrevista coletiva para detalhar os dois primeiros casos confirmados, um na cidade de Curitiba e outro em Foz do Iguaçu. Ambos estiveram na Argentina, onde foram contaminados. O Paraná, contudo, permanece sem transmissão sustentada da doença. Isso significa que não há contaminação de pessoas de forma a caracterizar transmissão interna da doença.

O novo Boletim Epidemiológico também descartou 12 casos, sendo que todos foram por exames laboratoriais. Com isso o Paraná passa a ter 73 casos descartados. Também foram incluídos sete novos casos suspeitos, dois da região de Curitiba, três de Foz do Iguaçu e dois de Toledo. Um novo caso também está sendo monitorado na região de Curitiba.

O balanço final do Boletim Epidemiológico, de número 23, da Secretaria de Saúde, o Paraná tem três casos confirmados, 21 suspeitos, 06 em monitoramento e 73 descartados.

continua após publicidade