Região

PMDB e Requião confirmam candidatura de Pessuti a governado2

Da Redação ·
O encontro do PMDB de sábado, 20, em Curitiba, serviu para consolidar a candidatura própria e o nome de Orlando Pessuti para governador do Paraná em 2010.
continua após publicidade
Participaram do evento, realizado no Jockey Club, cerca de 1.000 pessoas entre deputados, membros do Diretório Estadual, prefeitos, vice-prefeitos e presidentes de diretórios municipais do partido.
continua após publicidade
O governador Roberto Requião resumiu a disposição dos peemedebistas ao falar da necessidade imperiosa de prosseguir com as políticas públicas adotadas no Paraná nos últimos oito anos.
continua após publicidade
De forma contundente, Requião rechaçou a proposta indecente de lançá-lo como uma espécie de candidato único ao Senado com direito à influência num futuro governo em troca do apoio a uma chapa de governador e vice de outros partidos. Na linha de todos os discursos, Requião disse que PMDB do Paraná já traçou o seu rumo que é o da candidatura própria e indicação de Orlando Pessuti para governador. O partido tem o meu aval, declarou.
continua após publicidade
Requião ainda disse que a inclinação do PMDM no Estado é apoiar a candidatura do PT a presidente, pois considera fundamental a continuidade da política de inclusão social do presidente Lula, mas que não vai participar de uma aliança do PT com candidatos da direita.
continua após publicidade
Por sua vez, Pessuti foi muito aplaudido ao lembrar da coerência política do PMDB do Paraná nas três últimas eleições estaduais, principalmente na derrota de 1998 e na vitória em 2002 com uma chapa (Requião e Pessuti) que largou em terceiro lugar nas pesquisas.
continua após publicidade
O presidente Waldyr Pugliesi e o secretário-geral João Arruda, que organizaram o encontro, destacaram a força do PMDB no Estado, que tem o maior número de filiados, as maiores bancadas federal e estadual, 136 prefeitos, 101 vice-prefeitos e 753 vereadores. Os dirigentes salientaram a importância do permanente diálogo interno e com a sociedade que o PMDB promove e a necessidade de trabalho intenso até as eleições. Um questionário distribuído para os 399 presidentes municipais, que foram preenchidos com base na analise de cada executiva, traçou um panorama das candidaturas a deputado estadual e federal, da intenção de candidatura própria e de nome indicado, e ainda a respeito de candidatura a presidente. Os primeiros 123 questionários já tabulados revelam que 100% dos diretórios municipais apóiam o lançamento de candidatura própria ao governo e 100% indicam o nome de Pessuti.