Região

Servidores do INSS de Apucarana não devem aderir à greve

Da Redação ·
A agência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em Apucarana, não deve, a princípio, aderir ao indicativo de greve da categoria nos grandes centros.
continua após publicidade
 Por enquanto, a situação está tranqüila. Em geral, quando isso estoura é primeiro em cidades maiores, para depois se esparramar para o interior, explica o chefe da agência do INSS no município, Nelson Oscar. Com isso, o estabelecimento funcionará normalmente amanhã.
continua após publicidade
Uma das principais reivindicações do grupo, a nível de Brasil, seria a manutenção da jornada de 30 horas, que nesta semana, passou para 40. Antes eles trabalhavam 6 horas por dia. Agora a carga é 8 horas diárias. Assim, quem optar por 8 horas receberá um valor a mais, e quem optar por 6, cerca de 20% a menos. Esta é a grande encrenca, aponta. Oscar salienta, entretanto, que, em Apucarana, já houve entendimento em relação à questão. Aqui por enquanto tudo teve uma boa aceitação. Os servidores conversaram com o sindicato da categoria. Está nas mãos deles, mas até então nada foi passado como possível paralisação, enfatiza.