Região

Comissão entrega sugestões para melhorar o trânsito em Apucarana

Da Redação ·
O prefeito João Carlos de Oliveira (PMDB) recebeu nesta quarta-feira (03/06) um relatório com diagnóstico e sugestões para solução dos principais problemas do trânsito, principalmente nas avenidas de acesso e área central de Apucarana. O trabalho durou quase quatro meses e foi elaborado por uma Comissão Especial de Planejamento de Trânsito, nomeada dia 12 de fevereiro, tendo como componentes técnicos que possuem a vivência das ruas, sendo representantes da Polícia Militar, Pelotão de Trânsito, CIRETRAN, Guarda Municipal, Secretaria Municipal de Infra-estrutura Urbana e Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan). "Uma administração participa oportuniza a interação de diversos órgãos e este estudo é fruto desta abertura, trazendo sugestões concretas e reais, com base em critérios técnicos, para melhorar a trafegabilidade em nossa cidade. São apontamentos que partiram do eixo central e contemplam alguns pontos em bairros", explicou tenente-coronel Ronaldo Maciel de Oliveira, comandante do 10º BPM e que presidiu a comissão independente. O relatório será agora analisado pelo Executivo Municipal. As possíveis mudanças serão gradativas e subsidiadas com recursos disponíveis no Fundo Municipal de Trânsito, sendo previamente comunicadas à população. "Também não terão caráter definitivo ou impositivo. Uma vez realizadas, haverá períodos de avaliação, caso não ofereçam os benefícios esperados, nada impedirá a revogação", informa José Luiz Alves Miguel, diretor do Departamento de Trânsito e Segurança do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan).O documento de 10 pranchas (mapa da área urbana com a sinalização das sugestões) relaciona 51 tópicos, sendo 37 análises de possíveis intervenções em vias (a maioria na área central), e 14 sugestões diversas. Divididos por assuntos, 10 tópicos envolvem sugestões para melhoria no tocante à sinalização, 8 indicam necessidade de alteração no sentido de via, 6 sugerem instalação ou modernização de semáforo, e os demais dizem respeito à medidas como proibição de estacionamento, proibição de conversão à esquerda, abertura ou alargamento de via, adequação de meio-fio, instalação de lombadas, criação de mais vagas de estacionamento, construção de rotatória e até de canteiro central. "A população pode ficar tranqüila e ter a certeza de que todas as melhorias que serão promovidas estarão dentro da técnica, para não penalizar o cidadão, nem o município. Não queremos ferir o direito de ninguém, mas sim, fazer as coisas corretas para que a vida seja respeitada", disse o prefeito João Carlos de Oliveira.Assessoria de comunicação da Prefeitura de Apucarana - PR
continua após publicidade