Região

Requião ressalta importância da oferta de serviços técnicos em feiras agropecuárias

Da Redação ·

O governador Roberto Requião ressaltou neste domingo (17) durante visita a 37ª Exposição Agropecuária de Maringá (Expoingá), a importância da oferta de serviços técnicos em feiras agropecuárias. Requião destacou a participação da Emater na divulgação dos programas do Governo do Estado que beneficiam os pequenos agricultores. A Expoingá é uma feira técnica fantástica. Durante todos estes dias a Secretaria de Estado da Agricultura e a Emater trouxeram novas tecnologias e apresentaram os programas estaduais de apoio ao pequeno agricultor como o Irrigação Noturna, o Trator Solidário e o Leite das Crianças, destacou.

Os produtores rurais e pecuaristas da região são bem estruturados e o Estado tem dado o apoio necessário para que assim o seja. O Governo do Paraná vai construir um Centro de Convenções em Maringá, para que na próxima edição da Expoingá, os agricultores e expositores tenham um espaço propício para eventos e reuniões, anunciou Requião.

De acordo com o governador, a crise econômica não teve tantos reflexos no Paraná. Ele explicou que a agricultura do estado continua a crescer e destacou que as medidas tomadas pelo Estado para combater a crise trouxeram resultados positivos. No Paraná reduzimos o ICMS de mais de 95 mil itens. Na área da agricultura temos inúmeros programas de incentivo ao desenvolvimento, afirmou.

O Leite das Crianças, por exemplo, já alimentou 896 mil crianças. A cadeia leiteira do estado também cresceu. Antes do programa, tínhamos 4 mil produtores. Hoje são 16 mil produtores de leite. O sucesso foi tão grande que agora escolas e hospitais também terão leite de qualidade produzido aqui, destacou Requião.

O evento reuniu agricultores de 30 municípios que ouviram palestras sobre alternativas de geração de renda para a agricultura familiar. Representantes de grandes empresas de transportes de cargas e logística do estado discutiram gerenciamento com foco no agronegócio. A feira movimentou a economia da região nestes dez dias. O governo esteve presente em todos os momentos, e trabalha em diversos projetos que beneficiam a agricultura familiar, explicou o secretário de estado do Planejamento, Enio Verri.

TRATOR SOLIDÁRIO - Requião entregou pessoalmente as chaves do trator número 3.200 ao agricultor Antonio Poloto Sobrinho. Nesta edição tivemos a entrega de mais tratores. Até outubro vamos entregar 4 mil tratores. Nós dobramos a proposta inicial e até 2010 serão entregues 8 mil tratores, disse.

Trabalho no campo desde muito pequeno. Sem o programa Trator Solidário não teria condições de comprar uma unidade. Os benefícios são imensos. Com a venda de 150 sacas de soja pago uma parcela. A produção certamente vai aumentar. Sem contar outros programas como o de Irrigação Noturna. Temos descontos de 60% na energia elétrica. Nunca vi tantos incentivos em meus 71 anos de vida, contou Poloto Sobrinho.

O produtor de ovinos Ivo Karling afirmou que os benefícios e incentivos do Governo do Estado foram essenciais para o desenvolvimento do negócio. Trabalho há sete anos com a produção de ovinos da raça Santa Inês. As minhas perspectivas são muito boas. A começar pelos benefícios da redução do custo da energia elétrica. A feira foi excelente para os meus negócios. Aqui trocamos experiências, as pessoas conhecem o nosso trabalho e conseqüentemente as vendas aumentam, disse.

FAZENDINHA - A Fazendinha da Emater, um espaço de serviços promovido pelo governo do Estado, recebeu uma média de 30 escolas municipais e estaduais por dia. Nos estandes, os visitantes tiveram a oportunidade de conhecer alguns dos programas estaduais direcionados a implementação de novas tecnologias nas propriedades rurais, como o Programa de Irrigação Noturna, o Trator Solidário e as melhorias genéticas do Iapar em variedades de sementes.

Requião destacou a participação da Copel na feira. Os pequenos agricultores puderam conhecer em det

continua após publicidade