Política

'Tesoureiro não é porta-voz do PSDB', diz Bruno Araújo, presidente do partido

Da Redação ·

Após o tesoureiro nacional do PSDB, César Gontijo, dizer que o ex-governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, não terá recursos da sigla para percorrer o Brasil, o presidente do partido, Bruno Araújo desautorizou a fala do correligionário.

continua após publicidade

Procurado pela reportagem, Araújo classificou esse discussão como "improdutiva".

"César Gontijo é um importante quadro do PSDB e meu amigo. Tem relevante papel na máquina partidária em funções administrativas e até políticas. Mas tesoureiro não é porta-voz da instituição", afirmou o dirigente.

continua após publicidade

Ainda segundo Araújo, nem Leite nem Arthur Virgílio demandaram recursos fora dos escopo das prévias.

"João Doria já tem recursos como pré-candidato. Essa discussão é improdutiva", finalizou o presidente tucano.