Política

Suplicy anuncia pré-candidatura a deputado estadual em SP

Levy Teles (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O vereador paulistano Eduardo Suplicy (PT-SP) anunciou nesta quinta-feira, 21, a pré-candidatura ao cargo de deputado estadual por São Paulo. "Meu objetivo é continuar na Assembleia Legislativa de São Paulo e o trabalho que venho realizando na Câmara Municipal de São Paulo por um Brasil mais justo e solidário", escreveu no Twitter, junto com uma foto em que ele posa entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-prefeito Fernando Haddad (PT).

continua após publicidade

Um dos fundadores do PT, Suplicy já foi eleito deputado federal duas vezes, foi vereador da capital paulista em duas diferentes legislaturas e exerceu três vezes o mandato de senador representando São Paulo. Este ano, o nome de Suplicy chegou a ser cogitado para a disputa de uma vaga no Senado. Ele teria a seu favor o recall das últimas eleições, o que lhe daria uma vantagem na largada. Mas, a ideia não prosperou.

Em junho, Suplicy interrompeu uma reunião da campanha de Lula com duras cobranças ao partido e ao ex-ministro Aloizio Mercadante. No dia em que comemorava 81 anos, o vereador entregou um papel com sua proposta que, disse, não foi considerada na elaboração de documento da pré-candidatura encabeçada pelo PT ao Planalto, e acusou Mercadante de não tê-lo convidado para o evento.

continua após publicidade

"Não fui convidado, mas hoje eu estou aqui, e continuarei trabalhando muito para que Lula e Alckmin instituam a renda básica de cidadania, enquanto eu estiver vivo ainda", pediu Suplicy. Mercadante disse não ter "conseguido acompanhar o convite de todas as pessoas". "É só olhar o tamanho do plenário, nem era minha função", justificou-se.

Como presidente da Fundação Perseu Abramo, Aloizio Mercadante tem coordenado a elaboração das diretrizes de governo da chapa Lula-Alckmin.