Política

Presidente diz em entrevista que não tomará vacina da covid

Em uma entrevista à rádio "Jovem Pam", Bolsonaro afirmou que não tomará a vacina pois adquiriu anticorpos quando se infectou com a doença

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Presidente diz em entrevista que não tomará vacina da covid
fonte: Agência Brasil / Marcos Corrêa
Presidente diz em entrevista que não tomará vacina da covid

Durante uma entrevista à rádio "Jovem Pan", na noite desta terça-feira (12), o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, disse que não tomará a vacina contra a Covid-19. De acordo com ele, a vacinação é desnecessária pois há anticorpos contra a doença em seu corpo, já que se infectou com o novo coronavírus antes. 

continua após publicidade

Antes, o presidente alegava que seria o último brasileiro a tomar a vacina, porém, agora, mudou de ideia e se recusa a recebê-la. 

"No tocante à vacina, eu decidi não tomar mais a vacina. Eu estou vendo novos estudos, eu estou com o meu, a minha imunização está lá em cima, IGG está 991. Para que eu vou tomar uma vacina? Seria a mesma coisa que você jogar na loteria R$ 10 para ganhar R$ 2. Não tem cabimento isso daí”, afirmou. 

continua após publicidade

Mas, segundo especialistas, é muito importante receber o imunizante contra o vírus, mesmo quem já teve a doença. Eles argumentam que a vacinação garante uma proteção mais duradoura do que a resultante de infecção natural pela Covid-19.