Política

Pessuti lança em Apucarana pré-candidatura ao Senado

Para ex-governador, MDB tem condições de entrar na disputa pela vaga em 2022

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Pessuti lança em Apucarana pré-candidatura ao Senado

O ex-governador e ex-deputado estadual Orlando Pessuti lançou no último sábado (30/10), em Apucarana, durante o 3º Encontro Regional do MDB, sua pré-candidatura ao Senado Federal nas eleições de 2022. Ele considera que há espaço para isso e se coloca à disposição dos companheiros de partido para enfrentar esta batalha.

continua após publicidade

“Se nós vamos ter candidato a governador ou a senador só o tempo vai dizer isso. O mais provável é que nós tenhamos uma aliança para o governo do Paraná. Mas temos sim um espaço muito importante que é a disputa para o Senado Federal”, afirmou.

Pessuti assinala que tem bagagem suficiente para exercer o cargo de senador. “Eu coloco meu nome, minha história e meu conhecimento de Paraná, de seus detalhes, das suas diferenças, das suas qualidades e dos seus problemas para ser o representante do partido numa disputa ao Senado”, acrescentou. “Quero ser um senador para defender o municipalismo, para fortalecer os municípios, os nossos vereadores, nossos prefeitos, vice-prefeitos e as lideranças locais e regionais”, disse. Pessuti frisou que fez questão de lançar oficialmente sua pré-candidatura em Apucarana porque é sua terra natal, uma vez que nasceu em 1953 em Califórnia quando ainda era distrito de Apucarana.

continua após publicidade

O presidente estadual do MDB, Anibelli Neto, lembrou que numa reunião da Executiva já haviam sido definidos três pré-candidatos a senador, sendo eles Orlando Pessuti, e os ex-deputados federais Renato Adur e João Arruda. Segundo ele, todos são grandes companheiros e estão na luta pelo revigoramento do partido. No entanto, deu sinal verde para a candidatura de Pessuti. “Eu vim aqui hoje em Apucarana para dizer em nome do MDB do Paraná: Pessuti, você tem todas as portas abertas do nosso partido para ser candidato ao cargo que você quiser. Porque você tem o amor, a história, o trabalho e a vontade de fazer”, destacou.

Sobre as eleições de 2022 Anibelli Neto e o deputado federal Sérgio Souza deixaram claro que o MDB fará aliança de apoio à candidatura à reeleição do governador Ratinho Junior. Mas a meta é aumentar a bancada de deputados estaduais e federais e, assim, sair fortalecido para as eleições de prefeito e vereadores em 2024 e depois para o governo do Estado em 2026.

“Se a gente não se encontra, não se reúne, não debate, a gente vai ficando cada vez mais pequeno”, disse Sérgio Souza, questionando os motivos pelos quais o MDB paranaense tem pouca ou quase nada de representatividade nas esferas estadual e federal.

continua após publicidade

O encontro em Apucarana reuniu emedebistas de 15 municípios do Norte do Paraná, entre prefeitos, vices e vereadores, sob coordenação do presidente do Diretório Municipal do MDB, vereador Tiago Cordeiro de Lima. Também participaram o prefeito de Apucarana, Junior da Femac (PSD) e seu vice Paulo Vital (PROS).

 Por Edison Costa - jornalista do grupo Tribuna do Norte 

Tags relacionadas: #Candidatura #Política #Senado