Política

No Congresso, parlamentares analisam nesta terça-feira vetos presidenciais

Da Redação ·

Na primeira sessão do Congresso do ano, parlamentares se reúnem nesta terça-feira, 8, para análise de vetos presidenciais. Na pauta, estão vetos à revogação da Lei de Segurança Nacional (LSN), à proposta de compensação fiscal pelo retorno da propaganda partidária gratuita em rádio e televisão e ao projeto que prevê a distribuição gratuita de absorventes a mulheres de baixa renda.

continua após publicidade

Também devem ser analisados vetos de dispositivos da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) que agilizam repasse para obras de interesse eleitoral. Deputados e senadores analisam ainda o veto parcial ao projeto de lei de conversão que modificou a Medida Provisória de Privatização da Eletrobras.

Como mostrou o Broadcast Político, ficaram de fora da pauta da sessão conjunta de hoje os vetos sobre o Refis para pequenas empresas e os cortes no Orçamento de 2022. Há pressão para derrubada dos vetos nessas duas propostas.

continua após publicidade

A derrubada do veto do Refis para micro, pequenas empresas e empreendedores individuais é colocada como "prioridade zero" de parlamentares defensores do projeto, com apoio inclusive de integrantes do governo do presidente Jair Bolsonaro. No Senado, há pressão para a Câmara votar o projeto do Refis que atende grandes empresas - votação que o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), adiou.

Para o Orçamento de 2022, há mobilização de comissões do Congresso e bancadas estaduais para recuperação dos recursos vetados por Bolsonaro. O Poder Executivo argumenta, no entanto, que é preciso manter os vetos para recompor a verba para despesas obrigatórias ao longo do ano.

A sessão para análise dos vetos está marcada para começar às 14 horas. Para que o Congresso possa derrubar vetos presidenciais, ambas as Casas devem estar de acordo.