Política

Moro diz que decisão de Barroso sobre passaporte vacinal é correta

Da Redação ·

Pré-candidato à Presidência da República pelo Podemos, Sérgio Moro considerou correta a decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), que determina que o governo federal exija o comprovante de vacinação para viajantes que entrarem no País.

continua após publicidade

Em vídeo publicado no Twitter, o ex-ministro da Justiça disse estar embarcando para o exterior e que, neste processo, foi exigido dele comprovante de vacinação e teste negativo contra a covid-19.

"A decisão do ministro Barroso é correta. A gente tem de respeitar a liberdade das pessoas, mas tem a reciprocidade. Temos de proteger contra novas variantes que podem surgir lá fora em países em que as pessoas não estão se vacinando e o vírus ainda pode proliferar bastante", afirmou Moro, em vídeo publicado no Twitter.

continua após publicidade

A decisão de Barroso é liminar e foi tomada na tarde deste sábado, 11. O julgamento dela ocorrerá no plenário virtual do Supremo de quarta-feira, 15, a quinta-feira, 16.

Outro pré-candidato ao Planalto pela 'terceira via', o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), também celebrou a decisão de Barroso.