MAIS LIDAS
VER TODOS

Política

Lula: se ficar olhando política fiscal, sempre haverá prioridade acima dos pobres

O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quinta-feira, 15, que "cuidar dos pobres" exige "coração" do governo, e não preocupação com o Orçamento ou a política fiscal. Ele participou do evento Natal dos Catadores, em São Paulo, junt

Clarice Couto e Sofia Aguiar (via Agência Estado)

·
Escrito por Clarice Couto e Sofia Aguiar (via Agência Estado)
Publicado em 15.12.2022, 13:13:00 Editado em 15.12.2022, 13:19:18
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta quinta-feira, 15, que "cuidar dos pobres" exige "coração" do governo, e não preocupação com o Orçamento ou a política fiscal. Ele participou do evento Natal dos Catadores, em São Paulo, junto com o futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, a futura primeira-dama, Janja da Silva, e a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann.

continua após publicidade

"Digo sempre que para cuidar do povo pobre é preciso ter muito coração; a gente não cuida do pobre se ficar olhando dados estatísticos, se ficar olhando a política fiscal do governo, o orçamento da prefeitura, do Estado. Sempre haverá prioridade mais importante que os pobres, sempre haverá alguém fazendo pressão que você não consegue fazer", afirmou. "É um compromisso meu, faltando 15 dias para assumir a Presidência, que vamos dar uma vida decente àquele morador de rua que vive abandonado nas ruas de São Paulo."

Lula citou a desatenção dos poderes públicos da população, citando prefeituras, Estados e a própria Presidência da República. "Vamos tentar criar condições para que vocês sejam respeitados na profissão."

continua após publicidade

O presidente disse que pretende criar uma "solução definitiva" para a população de rua do Brasil e garantiu que irá fazer "o que estiver ao nosso alcance: mudar decreto que tiver que mudar, fazer lei que tiver que fazer, para dar a catadores a cidadania que merecem". Segundo o petista, após tomar posse, ele conversará com o padre Júlio Lancellotti, presente no evento, sobre soluções para dar moradia à população de rua. Lula disse também que pretende vir a São Paulo para um encontro com a população de rua e trazer "o governo inteiro" para conhecer a Cracolândia da capital paulista.

Após receber propostas da categoria para serem implementadas no novo governo, Lula pediu para a classe preparar reivindicações para serem feitos estudos sobre as condições da população de rua. "Preparem boa pauta de reivindicação para fazermos um estudo profundo das condições de vida de cada homem, de cada mulher", disse ele, referindo-se à intenção de providenciar moradia à categoria.

Em sua fala, Lula também disse estar ciente da "falta de respeito" com que os catadores foram tratados nos últimos anos. "Sei da tentativa de facilitar para que empresários tomassem o lugar de vocês", disse, e completou: "Governar o Brasil não é atender quem pode nos visitar no gabinete".

Lula se comprometeu, ainda, a ir até a população. "Catadores e tantos milhões de brasileiros não têm como chegar a prefeito, governador ou presidente. Não serão vocês que terão de ir ao presidente, sou eu que tenho de vir até vocês", garantiu. "Vamos conversar e encontrar uma solução definitiva para a população de rua do Brasil", finalizou.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Política

    Deixe seu comentário sobre: "Lula: se ficar olhando política fiscal, sempre haverá prioridade acima dos pobres"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!