Política

Itamaraty lamenta críticas dos EUA após Bolsonaro falar em solidariedade à Rússia

Da Redação ·

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) do Brasil lamentou a fala da porta-voz da Casa Branca, Jan Psaki, que comentou a manifestação de solidariedade do presidente Jair Bolsonaro ao seu par russo, Vladimir Putin, durante visita nesta semana ao país.

continua após publicidade

Em nota emitida esta manhã, a pasta afirmou que o posicionamento da autoridade americana é uma extrapolação da fala de Bolsonaro, que não é "construtiva nem útil". Ontem, Psaki foi questionada sobre a declaração do líder brasileiro e disse que "talvez o Brasil esteja do outro lado de onde está a maioria da comunidade global".

"As posições do Brasil sobre a situação da Ucrânia são claras, públicas e foram transmitidas em repetidas ocasiões às autoridades dos países amigos e manifestadas no âmbito do Conselho de Segurança das Nações Unidas (CSNU)", apontou a nota do Itamaraty.