Política

Governo acata projeto de deputado para construção das Apaes

O primeiro colégio deverá ser construído em Rio Branco do Ivaí

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Governo acata projeto de deputado para construção das Apaes
fonte: Assessoria

O deputado estadual Pedro Paulo Bazana (PV), em parceria com a Federação das Apaes do Paraná (Feapaes) e Federação Estadual das Instituições de Reabilitação do Estado do Paraná (Febiex), desenvolveu um projeto inovador que deverá beneficiar os alunos da educação especial no Paraná. O projeto-piloto “Escola de Educação Especial, Educando para o Futuro”, trata da construção de escolas, com recursos do Governo do Estado, em parceria com os municípios, que serão cedidas à Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), para ensino e atendimento das pessoas com deficiência no Estado. A previsão de investimentos é da ordem de até R$ 2 milhões por escola. 

continua após publicidade

O primeiro colégio deverá ser construído em Rio Branco do Ivaí. O projeto está sendo consolidado com a participação pessoal do governador Carlos Massa Ratinho Júnior (PSD), que vem se demonstrando bastante solidário e sensível à causa. É a primeira vez que o Governo do Estado financia a construção de prédios para escolas da educação especial da Apae.

Segundo Bazana, o trabalho está em fase avançada, faltando poucos detalhes para ser iniciado efetivamente. “O que falta agora são os trâmites burocráticos desses convênios e a apresentação dos projetos arquitetônicos por parte dos municípios. Desta forma, os últimos levantamentos de custos serão realizados pelo governo do Estado, que em seguida fará a liberação para início das obras”, informou.

continua após publicidade

Para Bazana, o projeto-piloto “Escola de Educação Especial Educando para o Futuro” é um sonho que se torna realidade, em quase 20 anos de luta pela pessoa com deficiência no Paraná.

“Agradecemos a sensibilidade do governador Ratinho Junior que, desde o primeiro momento, abriu as portas para que a gente pudesse levar adiante esse projeto, que é cuidar das pessoas com deficiência em todo o Paraná. Só temos a agradecer, e vamos juntos para a realização desse sonho, que não é somente meu, mas das pessoas com deficiência de todo o Estado”, considerou o deputado. A contrapartida dos municípios será a doação do terreno e a apresentação do projeto arquitetônico para a construção. Um modelo de projeto, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação, será disponibilizado para as cidades que receberão o benefício.

Segundo Bazana, há necessidade urgente da construção de pelo menos 10 escolas. A princípio, o governador já sinalizou a construção em duas cidades.