Política

Girão promete entregar à CPI um 'relatório independente' baseado em 'fatos'

Da Redação ·

Com a aproximação dos fim dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) prometeu apresentar um "relatório independente" para confrontar o relatório que deve ser apresentado pelo relator da Comissão, senador Renan Calheiros (MDB-AL). Além do relatório de Girão, a base governista do colegiado também já prometeu apresentar um documento próprio na CPI.

continua após publicidade

"Eu irei entrar com um relatório independente aqui nesta Comissão, já estou fazendo com a equipe. Quero anunciar oficialmente que nós vamos, com base em tudo que nós recebemos aqui, o que a gente pode apurar, entregar um relatório independente para ser votado, com voto separado", disse o senador durante a reunião do colegiado. Segundo Girão, seu relatório terá "impressões com base em fatos e não em narrativas".

O senador nunca escondeu suas críticas à condução da CPI. Para Girão, o colegiado deveria ter mirado na apuração de Estados e municípios, e em possíveis irregularidades feitas com repasses federais.

continua após publicidade

O relatório final da comissão deve ser apresentado por Calheiros no próximo dia 15, quando ele afirmou que começará a compartilhar o texto com senadores. "A partir do dia 15, vou estar com o relatório pronto e vou conversar individualmente com cada membro da comissão parlamentar. Até lá, continuaremos os debates, ouvindo juristas e escolhendo os tipos penais que nós vamos utilizar", afirmou, em entrevista coletiva a jornalistas no início dos trabalhos desta terça-feira.