Política

Dom Phillips e Bruno Pereira: Munição apreendida sugere elo do suspeito com crime internacional

Vinicius Valfre (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O tipo de munição encontrada com o pescador suspeito de ligação com o desaparecimento do indigenista Bruno Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips, no Vale do Javari (AM), sugere uma ligação com o crime organizado estrangeiro. Segundo fontes com acesso às investigações, a munição que justificou a prisão em flagrante do homem identificado como "Pelado" era de calibre 762, usada em fuzis, e tinha origem peruana.

continua após publicidade

Embora ele seja o principal suspeito até agora, a prisão não tem ligação direta com o caso do desaparecimento. O pescador foi preso em flagrante por uma equipe da Polícia Militar do Amazonas.

O homem identificado como "Pelado" vive na comunidade de São Rafael, conhecida por servir como espécie de base para traficantes de drogas e exploradores invadirem as terras indígenas do Vale do Javari.

continua após publicidade

Bruno Pereira e Dom Phillips foram vistos pela última vez na manhã do último domingo, 5. Eles deveriam chegar na cidade de Atalaia do Norte (AM) por volta das 9 horas, o que não ocorreu.

O governo federal tem sido criticado pela pouca estrutura disponibilizada para fazer realizar as buscas. As famílias dos desaparecidos e diversas personalidades, como o ex-jogador Pelé, também cobram urgência na resposta.