Política

CPI abre sessão em que ouvirá ex-chanceler Ernesto Araújo

Da Redação ·

A comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 abriu pouco antes das 9h30 desta terça-feira a sessão em que ouvirá o ex-chanceler Ernesto Araújo. Entre os questionamentos direcionados ao ex-chefe do Itamaraty, senadores devem indagar sobre uma série de telegramas que revelaram que Araújo mobilizou o Itamaraty para garantir fornecimento de fármacos sem a eficácia comprovada para o tratamento da covid, além de quais foram os esforços realizados pela Pasta para garantir obtenção de vacinas contra covid-19. Araújo, que integrava a ala mais ideológica do governo, comandou o Ministério das Relações Exteriores por cerca de 800 dias antes de decidir entregar o cargo ao presidente Jair Bolsonaro, no final de março. O ex-chanceler deixou o cargo após forte pressão do Congresso Nacional.

continua após publicidade