Política

Chefe da Secretaria de Governo agora compõe conselho de acessão do Brasil à OCDE

Da Redação ·

O presidente Jair Bolsonaro editou Decreto que inclui o chefe da Secretaria de Governo da Presidência na composição do conselho para a preparação e o acompanhamento do processo de acessão do Brasil à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). A Secretaria de Governo atualmente é comandada por Flávia Arruda. O Decreto ainda deve ser publicado no Diário Oficial da União.

continua após publicidade

"Ao agregar um ator importante para as decisões de cunho político, especialmente na articulação junto ao Congresso Nacional, o Governo espera robustecer o processo de acessão do Brasil à OCDE", diz a Secretaria Geral da Presidência em nota divulgada nesta noite.

No dia 25 de janeiro, foi aprovada a abertura do processo de entrada do Brasil na OCDE. Além do Brasil, também foi aberto processo para ingresso de outros cinco países: Argentina, Peru, Croácia, Bulgária e Romênia.

continua após publicidade

O processo leva, em média, de três a quatro anos, mas o Brasil é visto como um candidato bastante adiantado nos trâmites. Para serem aprovados, os candidatos terão de aderir a 251 instrumentos, que são padrões estipulados pela organização. O Brasil é o mais adiantado entre os seis, pois já teve o aval de 104 deles.