Política

Bolsonaro cita declaração da OMS à respeito da transmissão do Covid-19

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Bolsonaro cita declaração da OMS à respeito da transmissão do Covid-19
Bolsonaro cita declaração da OMS à respeito da transmissão do Covid-19

OMS afirmou que transmissão de Covid-19 por assintomáticos 'parece rara', mas fez uma distinção entre assintomáticos e pré-sintomáticos.

continua após publicidade

O presidente da República comentou na reunião desta terça-feira (9) sobre a declaração da Organização Mundial de Saúde (OMS) de que a dissipação de Covid-19 por pessoas assintomáticas "parece rara". Para Bolsonaro, isso é razão para relaxamento do isolamento social e abertura "mais rápida" do comércio.

A afirmação da OMS foi dita pela chefe do programa de emergências, Maria van Kerkhove, na segunda (8). Ela destacou a transmissão por pessoas assintomáticas ainda não é conclusivo. Kerkhove relevou também que há uma diferença entre pessoas que não apresentam sintomas e as que apresentam, que ainda não manifestaram sintomas, mas podem apresentar algum, leve ou grave.

continua após publicidade

Após a declaração de Kerkhove, cientistas alarmam que somente 20% dos infectados não desenvolverão nenhum sintoma. Os outros 80% podem desenvolver sintomas leves ou mais duros da doença.

Bolsonaro comentou sobre a pandemia no início da reunião com ministros.

"Foi noticiado ontem [segunda], também de forma não comprovada, como nada é comprovado na questão do coronavírus. Mas que a transmissão por parte de assintomáticos é praticamente zero. Então isso vai dar muito debate e muitas lições serão tomadas. Com toda certeza isso pode sinalizar uma abertura mais rápida do comércio e a extinção daquelas medidas restritivas adotadas, segundo decisão do STF, adotadas por governadores e prefeitos”, afirmou o presidente.

continua após publicidade

Com informações do G1


Tags relacionadas: #BOLSONARO #OMS