MAIS LIDAS
VER TODOS

Política

Barroso: Uma bênção ter abertura do ano Judiciário sem preocupações que não sejam as normais

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luís Roberto Barroso, deu um recado ao ex-presidente Jair Bolsonaro e disse ser "uma bênção" fazer um discurso na abertura do ano Judiciário "sem termos nenhuma preocupação que não sejam as preocupa

Gabriel Hirabahasi, Lavínia Kaucz e Matheus de Souza (via Agência Estado)

·
Escrito por Gabriel Hirabahasi, Lavínia Kaucz e Matheus de Souza (via Agência Estado)
Publicado em 01.02.2024, 16:30:00 Editado em 01.02.2024, 16:34:48
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luís Roberto Barroso, deu um recado ao ex-presidente Jair Bolsonaro e disse ser "uma bênção" fazer um discurso na abertura do ano Judiciário "sem termos nenhuma preocupação que não sejam as preocupações normais de um País, crescimento, educação, proteção ambiental e todos os outros valores que estão na Constituição".

continua após publicidade

"Felizmente eu não preciso gastar muito tempo nem energia falando de democracia, porque as instituições funcionam na mais plena normalidade, a convivência harmoniosa e pacífica de todos. Nem preciso falar de separação de Poderes, porque embora independentes e harmônicos, nós convivemos de maneira extremamente civilizada e respeitosa", afirmou.

Segundo Barroso, "a independência e harmonia não significa concordância sempre nem que o Judiciário atenda necessariamente todas as demandas de qualquer um dos Poderes".

continua após publicidade

"Mas nós nos tratamos com respeito, consideração, educação e sempre que possível, carinhosamente, como a vida deve ser vivida", completou.

As sessões de abertura do ano Judiciário nos anos de governo Bolsonaro foram marcadas por uma quase constante tensão entre o chefe do Executivo com o STF. Mesmo mantendo relação com alguns ministros, o ex-presidente realizou diversos ataques ao Judiciário, especialmente em relação aos ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin e Luís Roberto Barroso, que estiveram à frente do Tribunal Superior Eleitoral ao longo dos últimos anos.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Política

    Deixe seu comentário sobre: "Barroso: Uma bênção ter abertura do ano Judiciário sem preocupações que não sejam as normais"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!