Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

Defesa de Lula faz novo pedido a Fachin para evitar prisão

.

REYNALDO TUROLLO JR.

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez novo pedido ao ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin para evitar a eventual prisão do petista.

Os advogados pediram, nesta quarta (14), que Fachin reconsidere sua decisão liminar de fevereiro que negou habeas corpus a Lula e suspenda a ordem de prisão até que a corte julgue duas ações que discutem a execução da pena após condenação em segunda instância.

Os advogados também pediram a Fachin que, caso ele não atenda ao pedido, o remeta à Segunda Turma do Supremo, para que aquele colegiado, composto por cinco ministros, decida sobre o caso.

Em último caso, a defesa pediu a Fachin que, diante da falta de pauta no plenário até o final de abril, o ministro coloque o habeas corpus em mesa para ser julgado. No jargão do STF, colocar em mesa é apresentar um processo à presidência para julgamento imediato.

O pedido é assinado, entre outros advogados, pelo ex-ministro do STF Sepúlveda Pertence, que se reuniu no início da tarde desta quarta com Cármen Lúcia, presidente da corte. Ela tem sinalizado que não pretende rediscutir a possibilidade de prisão após condenação em segundo grau e também não pautou o julgamento do habeas corpus de Lula para abril.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber