Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

PTB da Câmara mantém apoio à indicação de Cristiane Brasil a ministério

.

DANIEL CARVALHO E GUSTAVO URIBE

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Apesar de todo o desgaste, a bancada do PTB na Câmara decidiu nesta terça-feira (6) manter a indicação da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) ao Ministério do Trabalho.

Filha de Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB, Cristiane vem tendo sua posse como ministra adiada por causa de uma sucessão de decisões judiciais. 

"O PTB não abandona companheiros feridos na luta", disse o líder do partido na Câmara, Jovair Arantes (GO).

Arantes admitiu haver um desconforto com o desgaste gerado pela manutenção da indicação, mas negou constrangimento.

O líder da bancada negou ter havido pressão de Jefferson ou de Cristiane e afirmou que a decisão de manter o apoio foi tomada por unanimidade.

"A Justiça que tem que dar a palavra final", afirmou Arantes.

A bancada do PTB na Câmara também divulgou uma nota de apoio a Cristiane.

Os deputados federais do partido consideram que a parlamentar tem a competência e as condições necessárias para comandar a pasta. Também avaliam que o Poder Judiciário está interferindo em uma atribuição que é privativa do chefe do Poder Executivo federal, que é a indicação dos ministros de Estado, conforme prevê a Constituição Federal em seu art. 84, inciso I, diz trecho da nota.

Com a revelação de novas denúncias contra Cristiane Brasil, o Palácio do Planalto passou a defender que Roberto Jefferson indique outro nome para o comando do Ministério do Trabalho.

A avaliação, feita de maneira reservada por assessores e auxiliares presidenciais, é de que mesmo que consiga assumir a pasta, a deputada federal continuará a causar desgaste ao presidente Michel Temer.

Na segunda-feira (5), Cristiane Brasil pediu celeridade à presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Cármen Lúcia.

A ministra suspendeu temporariamente a posse de Cristiane no dia 22 de janeiro e não voltou a se manifestar até o momento.

Cristiane disse que "vem sofrendo uma campanha difamatória que busca impedir minha posse no Ministério do Trabalho".

POLÊMICAS

O desgaste de Cristiane Brasil aumentou no fim de semana com a divulgação de novas denúncias contra ela.

Primeiro, foi divulgado que ela é investigada por suspeita de associação ao tráfico de drogas durante a campanha eleitoral de 2010.

O inquérito foi aberto pela Polícia Civil do Rio em 2010 a partir de uma denúncia anônima, segundo a qual pessoas que trabalhavam para ela teriam pago traficantes de Cavalcanti, bairro da zona norte do Rio, para ter direito exclusivo de fazer campanha na região. A informação foi publicada pelo jornal "O Estado de S. Paulo" e confirmada pela Folha de S.Paulo.

Depois, reportagem do "Fantástico", da TV Globo, mostrou o áudio de uma reunião comandada por Cristiane Brasil em que ela pressiona servidores da Prefeitura do Rio de Janeiro a buscar votos para sua campanha eleitoral.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber