Mais lidas
Política

PSDB está pacificado em torno de Alckmin, diz Doria no Maranhão

.

JOSÉ LINHARES JR.

SÃO LUÍS, MA (FOLHAPRESS) - O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quinta-feira (30), em visita a São Luís, que o clima no PSDB nacional "está pacificado".

"Desde a semana passada o partido está pacificado ao redor do nome do governador Geraldo Alckmin. Ele deve ser presidente do partido e nosso candidato a presidente do Brasil."

Ele também relembrou dos tempos em que foi membro do governo Sarney, no comando da Embratur, e disse estranhar a aliança entre tucanos e comunistas no Estado, governado por Flavio Dino (PC do B).

Doria foi ao Maranhão a convite da Fiema (Federação das Indústrias no Maranhão). Além de dar entrevistas a programas de rádio e televisão e participar de almoço com empresários locais, o prefeito também ministrou palestra em uma universidade local.

CRISE

Sobre a crise que tem afetado o seu partido nas últimas semanas, o prefeito se disse sossegado. Em relação ao correligionário Arthur Virgílio, que também pretende disputar a presidência pelo PSDB em prévias contra Alckmin, Dória foi evasivo. "Acredito que ele irá tomar a decisão acertada".

O prefeito também fez questão de frisar seu apoio ao governo Temer. "Não tenho vergonha de falar que este governo [Temer] faz o que precisa ser feito. Está conduzindo reformas que são muito úteis para o Brasil e é um governo comprometido com o crescimento".

Doria aproveitou a agenda para visitar a ex-governadora Roseana Sarney pela manhã. Disse se tratar apenas de uma visita de cortesia. "Eu conheço a governadora de muitos anos, tenho uma boa relação com ela. Eu fiz parte do governo Sarney, fui presidente da Embratur. Tive o prazer de reencontrá-la".

A aliança entre tucanos e comunistas no Maranhão, já que o vice-governador Carlos Brandão (PSDB) faz parte do governo de Flávio Dino (PC do B) também foi questionada ao prefeito. "Eu não vejo em nenhum Estado uma associação desse tipo. Isso só acontece aqui no Maranhão. Eu não vejo o PSDB caminhando com pessoas que defendem teses de esquerda."

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber