Política

Polícia Militar reforçará segurança na Esplanada para votação de denúncia

.

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Polícia Militar do Distrito Federal irá reforçar a segurança na Esplanada dos Ministérios nesta quarta-feira (2), data em que está marcada a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer na Câmara dos Deputados.

Em nota, a PM informa que haverá reforço policial em toda a Esplanada, "a fim de garantir a ordem pública e a incolumidade das pessoas e do patrimônio público".

Para isso, além do efetivo da área, serão empregadas as unidades especializadas Patamo, Batalhão de Choque, Rotam, Regimento de Policiamento Montada, entre outros, informa.

O total de policiais que deve fazer parte deste reforço não foi divulgado. Não está prevista a interdição de vias.

Questionada, a Secretaria de Segurança Pública do DF informa que a pasta não foi informada oficialmente sobre manifestações programadas no local, mas que terá equipes de prontidão para atuar em possíveis protestos.

Na época da votação do impeachment de Dilma Rousseff, a previsão de manifestações de grupos opostos levou o governo do DF a instalar um muro no meio da Esplanada e a reforçar o efetivo com membros da Força Nacional.