Mais lidas
Política

PMDB obriga deputados a votar contra denúncia de Temer

.


DANIEL CARVALHO E LUIZA FRANCO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A executiva nacional do PMDB decidiu na manhã desta quarta-feira (12) fechar questão contra a denúncia que indica que o presidente Michel Temer cometeu crime de corrupção passiva.

Ou seja, o deputado que votar a favor da denúncia será afastado temporariamente de suas funções enquanto o conselho de ética do partido não tomar decisão final. A legenda tem 33 deputados no colegiado.

"A Executiva do PMDB fecha questão contra a denúncia ao presidente Temer. Quem não cumprir a decisão será enquadrado pelo Conselho de Ética do partido e sofrerá punições", afirmou nas redes sociais o presidente do partido, senador Romero Jucá (RR).

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber