Mais lidas
Política

Em discurso, Suplicy pede a renúncia de Michel Temer; Zarattini diz que querem implantar ditadura

.

EDUARDO GERAQUE E DIANA LOTT

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O vereador Eduardo Suplicy (PT) criticou, em discurso no carro de som em frente ao MASP, a operação feita na manhã deste domingo (21) na região Cracolândia. "Nós vamos garantir a continuação do programa Braços Abertos por meio de projeto de lei", disse.

No mesmo discurso, o vereador afirmou que o presidente Michel Temer havia se comprometido a afastar qualquer ministro que fosse objeto de inquérito e cobrou coerência do presidente, além de pedir a sua renúncia.

Já o líder do PT na Câmara, Carlos Zarattini, defendeu eleições gerais em seu discurso na avenida Paulista. "Eles querem colocar o Meirelles, a Cármen Lúcia, querem se apoiar no Supremo Tribunal Federal para implantar uma ditadura", disse.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber