Mais lidas
Política

Doria diz em mensagem estar feliz por despertar interesse em todo país

.

WÁLTER NUNES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O prefeito de São Paulo, João Doria (PSBB), publicou uma mensagem se dizendo contente em saber que pessoas de todo país têm demonstrado interesse sobre seu desempenho em São Paulo.

"Fico feliz em saber que nosso trabalho está despertando curiosidade em todo país!", disse o prefeito em sua página oficial no twitter.

No fim das mensagens Doria coloca as hashtags #AceleraSP e #JoãoTrabalhador, slogans de sua campanha à prefeitura.

O texto é uma resposta a uma nota publicada neste domingo (12) no jornal "O Estado de S. Paulo" que diz que o deputado federal Heráclito Fortes (PSB-PI) está impressionado a popularidade de João Doria até mesmo no interior do Piauí.

"Todo mundo quer saber quem é esse tal de Doria", disse o deputado ao jornal.

Uma reportagem da Folha de S.Paulo do início do mês mostrou que o nome do prefeito de São Paulo já é cogitado dentro do PSDB como alternativa para a disputa presidencial em 2018.

Parlamentares e dirigentes tucanos ouvidos pela reportagem admitiram que o assunto saiu da seara das fofocas.

O crescimento do nome de Doria como possibilidade para a disputa presidencial é uma resposta ao desgaste enfrentado por quadros tradicionais do PSDB.

A avaliação é que a crise política tende a macular sobremaneira a classe política tradicional que levará o eleitor a buscar, em 2018, fórmula parecida à que fez sucesso em algumas das principais capitais do país no ano passado, nas eleições municipais.

A Lava Jato é vista como o principal fator de instabilidade para os nomes mais tradicionais da legenda.

Os senadores Aécio Neves e José Serra e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, já foram citados em depoimentos de delatores. As denúncias incluem recebimento de propina e de dinheiro de caixa dois de campanha. Todos negam qualquer irregularidade.

Doria, no entanto, tem negado qualquer pretensão de disputar a Presidência em 2018. No último dia 10, num evento das associações de bairro de áreas nobres da cidade, ele garantiu que não vai sair da prefeitura antes de completar seus quatro anos de mandato.

"Fui eleito para ser prefeito e vou prefeitar pelos quatro anos. Trabalhando em dobro como estamos fazendo, quatro anos vão significar oito, está muito bom", disse.

O prefeito tem dito que apoiará seu padrinho Geraldo Alckmin na disputa pelo Palácio do Planalto, no ano que vem.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber