Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

Adversários se unem para tentar derrotar Maia em disputa na Câmara

.

DANIEL CARVALHO, RANIER BRAGON E ÂNGELA BOLDRINI

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Na tentativa de levar a eleição para presidente da Câmara para o segundo turno, os adversários do atual presidente, Rodrigo Maia (DEM-RJ), uniram-se nesta segunda-feira (30) em uma ofensiva contra ele.

Rogério Rosso (PSD-DF), que havia suspendido sua candidatura na semana passada, deve anunciar ainda nesta segunda que está de volta à disputa.

Na semana passada, Rosso havia suspendido sua candidatura até que o STF (Supremo Tribunal Federal) se manifestasse sobre duas ações que tramitam contra Maia.

A presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, no entanto, não pautou o assunto para a primeira sessão do ano, nesta quarta-feira (1º). A eleição na Câmara acontece na manhã de quinta-feira (2).

Além disso, Rosso, Jovair Arantes (PTB-GO) e André Figueiredo (PSD-CE), também candidatos, vão subscrever o mandado de segurança que o deputado Julio Delgado (PSB-MG) pretende apresentar ao STF.

Mesmo com o PSB tendo anunciado apoio a Maia, Delgado se lançou candidato avulso nesta segunda.

A intenção desses parlamentares é levar a disputa para o segundo turno. Eles acreditam que, assim, podem derrotar Rodrigo Maia, hoje favorito.

Para ganhar no primeiro turno, é preciso maioria absoluta dos votos, ou seja, metade mais um dos votos dos presentes. A votação só começa com a presença de 257 dos 513 deputados.

Nesta terça-feira (31), o PT definirá que rumo tomará. Havia expectativa de que o partido apoiasse Maia, mas, diante da pressão de sua base, a legenda pode lançar candidatura própria.

Também há expectativa de que o PSOL lance candidato nesta terça.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber