Mais lidas
Política

No segundo turno, Alex Manente recusa apoio do PT em São Bernardo do Campo

.

CAROLINA LINHARES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O candidato do PPS à Prefeitura de São Bernardo do Campo, deputado federal Alex Manente afirmou nesta quarta-feira (5) que não terá o apoio do PT no segundo turno da eleição.

Manente, que conquistou 28,41% dos votos no primeiro turno, disputa com o deputado estadual Orlando Morando (PSDB), que terminou com 45,07% dos votos válidos.

"Não quer o apoio do PT nem do PC do B", disse Manente à reportagem. "Pensamos diferente ideologicamente do que eles defendem", completou.

Segundo Manente, o apoio do PT nem chegou a ser discutido formalmente. "Eu já recusei e tenho recusado publicamente todos os dias", afirmou.

O candidato petista, Tarcisio Secoli (PT), ficou em terceiro lugar com 22,57%. O resultado representou uma grande derrota para o partido, já que a cidade é um reduto do PT e é onde mora o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Nesta terça, o PC do B, que fazia parte da coligação petista, anunciou apoio a Morando.

Segundo o "Diário do Grande ABC", o presidente municipal do PC do B, Jorge Costa Oliveira, afirmou que o atual prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho (PT), não recebeu bem a decisão da sigla e pressionou pelo apoio da coligação a Manente.

Diante disso, Manente reuniu a imprensa para recusar a aliança com o PT.

Manente afirmou ainda que começará a discutir a partir desta quinta (6) acordos partidários para o segundo turno.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber