Mais lidas
Política

Ministério Público diz que soube de liminar favorável a Lula pela imprensa

.

BELA MEGALE
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O procurador-geral de Justiça do Estado de São Paulo, Márcio Fernando Elias Rosa, emitiu nota nesta quarta (17) informando que o Ministério Público paulista tomou conhecimento da suspensão do depoimento do ex-presidente Lula e de sua mulher, Marisa, pela imprensa.
"Aguarda-se, diante da singularidade, o recebimento da comunicação da decisão para análise quanto às providências cabíveis", diz a nota.
Na noite de terça (16) o Conselho Nacional do Ministério Público emitiu uma liminar liberando Lula e sua mulher de prestar o depoimento marcado para esta quarta por entender, em resposta a recurso de autoria do deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP). O parlamentar alega que Cassio Conserino não é o "promotor natural" da causa.
O procurador-geral também informou que o Ministério Público vai aguardar uma deliberação do CNMP.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber