Política

Dilma limita despesas do governo até definição de gastos para 2016

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A presidente Dilma Rousseff limitou os valores autorizados para despesas dos ministérios e órgãos do governo federal até que uma nova norma seja editada estabelecendo o contingenciamento de gastos para este ano. As informações são da Agência Brasil.
Por meio de decreto publicado na tarde desta segunda (18), em edição extra do "Diário Oficial da União", os órgãos, fundos e entidades do Poder Executivo só poderão empenhar despesas até o limite especificado.
A limitação ficará valendo até que Dilma e a equipe econômica estabeleçam a programação financeira e o cronograma de execução mensal de desembolso, nos quais deve constar os cortes de gastos.
Com a medida, os valores autorizados para movimentação e empenho de cada órgão ficam restritos ao previsto no decreto e não mais no Orçamento Geral da União de 2016, sancionado semana passada.
No ano passado, o governo limitou mensalmente em um doze avos do Orçamento o que poderia ser utilizado por cada pasta em despesas de custeio antes que a Lei Orçamentária Anual de 2015 fosse aprovada.