Facebook Img Logo
Mais lidas
Política

Governadores realizam reunião para discutir crise econômica

.

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Governadores de 12 Estados mais o Distrito Federal participam de uma reunião na tarde desta segunda-feira (28) em Brasília, na residência oficial do governador do DF Rodrigo Rollemberg (PSB), para discutir ações contra a crise econômica no país.
O encontro foi articulado por Rollemberg e, segundo sua assessoria, tem a presença confirmada dos governadores de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB), de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), da Bahia, Rui Costa (PT), e de outros oito Estados: Alagoas, Ceará, Goiás, Maranhão, Pernambuco, Piauí, Sergipe e Tocantins.
Na pauta, "construir uma agenda comum que possa melhorar o ambiente econômico do país e a situação dos Estados", segundo o governo do DF.
Não foram divulgados detalhes sobre essas iniciativas que serão debatidas contra a crise econômica.
A crise que atinge o país tem afetado as contas dos governos estaduais, provocando quedas em investimentos e crescimento do endividamento.
Por exemplo: levantamento realizado pela Folha de S.Paulo em junho mostrou que o volume de investimentos nos 26 Estados e no Distrito Federal caiu de R$ 11,3 bilhões nos quatro primeiros meses de 2014 (valor corrigido pela inflação) para R$ 6,2 bilhões no mesmo período de 2015, uma queda de 46%.
Além disso, Estados têm criado tributos para compensar quedas na arrecadação. Em São Paulo, o governo Alckmin elevou as alíquotas de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) da cerveja e do fumo. A arrecadação extra é estimada em R$ 1,38 bilhão -parte deste valor vai para os municípios. O governo sustenta que a alteração compensa a redução de imposto de itens da cesta básica.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber