Facebook Img Logo
  1. Edhucca Banner
Mais lidas
Política

Petista entra com representação por "cabeçada" em confusão na Câmara

.

GUSTAVO URIBE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A confusão no plenário da Câmara que acabou em empurrões, xingamentos e depredações na semana passada teve um novo capítulo na quinta-feira (17).
Com a queixa de que foi vítima de um soco e de uma cabeçada, o deputado federal Nilto Tatto (PT-SP) ingressou com representação na Corregedoria Parlamentar contra Laerte Bessa (PR-DF) por quebra de decoro parlamentar.
Segundo o petista, Bessa o agrediu fisicamente durante tumulto para a votação da comissão especial que avaliará o arquivamento ou prosseguimento do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.
No episódio, os dois deputados federais trocaram acusações e chegaram a ser separados pela Polícia Legislativa. A cabeçada chegou a ser filmada por veículos de comunicação.
"Primeiro, ele me deu um soco no estômago. Eu falei para que ninguém agisse com violência, mas ele proferiu uma cabeçada", reclamou o petista, o qual espera que o Conselho de Ética da Câmara dos Deputados tome "as medidas cabíveis".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Política

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber